jusbrasil.com.br
19 de Agosto de 2018
    Adicione tópicos

    Deputado Federal Roberto Santiago articula votação de projetos voltados à causa animal

    Na quarta-feira (23), o více-líder do PSD, deputado federal Roberto Santiago reuniu-se com o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves, para articular a votação de projetos voltados à causa animal. Entre as propostas estão o PL 6602/13, que proíbe o uso de animais em testes laboratoriais; o PL 1376/03, que dispõe sobre a esterilização nacional gratuita para cães e gatos; e o PL 7199/2010, que aumenta a pena por maus-tratos.

    Tais temas têm repercutido no Congresso desde que Santiago idealizou o “Acampamento Nacional em Defesa dos Animais”, em fevereiro passado. O parlamentar tem insistido na votação imediata dos projetos. Segundo ele, os líderes partidários já estão pautados sobre a importância dos propostas. “Enquanto os projetos de lei são engavetados, adiados para a apreciação Plenária, há inúmeros animais sofrendo e morrendo por maus-tratos, torturados por experiências laboratoriais, entre outros sacrifícios desumanos.”, defendeu Santiago.

    O parlamentar tem acompanhado a mobilização agendada para o próximo domingo (27), no município de São Roque, em frente ao laboratório TECAM. Segundo ele, a ação acontecerá em razão da não regulamentação da Lei Estadual Nº 777/2013, que proíbe a realização de testes em animais, sancionada no início do ano.

    “É muito bom que os ativistas estejam alinhados com o Parlamento. Juntos estamos no caminho correto, mantendo o debate e buscando pautar projetos voltados à causa. O Acampamento Nacional em Defesa dos Animais, por exemplo, foi uma ótima iniciativa tomada em conjunto, a qual criamos um fato externo, que motivou a Câmara Federal a reagir diante da demanda gerada pela imprensa. Agora em São Roque, cidade do Instituto Royal, faremos pressão para que o governador tome providências. Não basta sancionar uma lei e não regulamentá-la. Precisamos de ações efetivas.”, concluiu o parlamentar.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)